Religiões

Desde tempos imemoriais, a religião tem se mostrado um elemento tão indissociável e necessário da experiência humana quanto a linguagem, exercendo o importante papel de ajudar o ser humano a organizar a vida, a compreender seu lugar no mundo e a buscar significado e propósito para a existência.

Grande parte dos conflitos mundiais tem origem a partir de questões religiosas. É bom ressaltar que existem fatores de caráter político, econômico, territorial, geopolítico, entre outros.

A religião e a espiritualidade têm influências distintas, mas complementares, sobre a saúde das pessoas.

Em um estudo com 50 pessoas com câncer de pulmão avançado, aquelas que seus médicos consideravam ter "fé espiritual" elevada responderam melhor à quimioterapia e sobreviveram por mais tempo.

Apesar das diferenças nas crenças e nos rituais entre as diversas religiões, a espiritualidade sempre melhora as condições de saúde das pessoas.

Pesquisas comprovam que quanto mais espiritualizada é uma pessoa, menores as chances de ela sofrer de ansiedade, depressão e estresse

São Jorge foi, de acordo com a tradição, um padre e soldado romano no exército do imperador Diocleciano, venerado como mártir cristão. Na hagiografia, São Jorge é um dos santos mais venerados no catolicismo.

Giovanni di Pietro di Bernardone, mais conhecido como São Francisco de Assis, foi um frade católico da Itália.
Nascimento: Assis, Itália
Falecimento: 3 de outubro de 1226, Assis, Itália
Filiação: Pica, Pietro di Bernardone

Assim como outras religiões, o cristianismo possui normas e valores "divinos" que devem ser obedecidas por todos os seus seguidores.

Santo António ou Antônio de Lisboa, também conhecido como Santo António de Pádua, OFM, de sobrenome incerto mas batizado como Fernando, foi um Doutor da Igreja que viveu na viragem dos séculos XII e XIII.

Corpus Christi significa Corpo de Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica que tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo.